As tendências dos ecommerces

Os ecommerces são os grandes palcos onde as vendas estão caminhando.  Mesmo onde a crise financeira é forte, o comércio eletrônico manteve a curva de crescimento em 2018. Os consumidores de mercado eletrônico já correspondem a 27% da população brasileira.

Nesse texto falaremos sobre o mercado digital, sobre alguns dados interessantes. disso, falaremos sobre as diversas tendências dentro da área para os próximos anos.

Benefícios do Ecommerce

Existem muitos benefícios para o consumidor quando se trata de compras pela internet. E agora vamos listar alguns deles:

Design Responsivo

Relatórios gerenciais sobre cliques e envolvimentos

Menus interativos

Sistema de Buscas

Sistema de Carrinho

Busca por Tags, Marca, Departamento

Integração com Mídias Sociais

Relatório de Estatísticas dos Produtos

Integração com Marketplaces

Atacado ou Varejo – B2B B2C

Cupom de Desconto

Tendências do ecommerce

 

Tendências do ecommerce

Você possivelmente já deve saber um pouco sobre ecommerce, afinal, boa parte da população brasileira já tem acesso a este tipo de mercado. E agora traremos um pouco sobre as tendências dentro deste movimento, para que você possa, junto comigo, se atualizar.

Experiências de busca e compra

É claro que grande parte dos nossos exemplos e tendências, são de acordo com ideias de experiência do usuário. Porém, deixamos esse exemplo incrível pra não deixar esse ponto sem ser destacado.

Nesse vídeo, vemos a empresa Made, que consegue deixar com facilidade que sejam trocados e pensados novos sofás.

Ominichannel

Nós falamos muito mais sobre o tema no nosso texto sobre omnichannel, se você tem interesse em saber mais sobre isso, clique no link.

A integração entre os canais de comunicação será cada dia mais rotineiro nos ecommerces.

Com certeza esta tendência caminha a passos largos dentro do comércio digital, visto que é um excelente ponto para melhorar a experiência dos consumidores.  A jornada de compra pode ser alterada dependendo de cada compra, atrelando os diversos canais disponíveis para venda. Como site, como perfil em redes sociais, como o ponto físico da loja, entre outros.

No futuro, algumas pessoas acreditam que já não haverá diferença entre a loja física e a virtual, tudo será tratado de uma mesma maneira. Existindo em coesão para favorecer a experiência da compra. É uma tendência que já é realidade em muitas empresas. 

Chatbots

Um das aplicações de inteligência artificial é a presença dos chatbots nos sites. Eles permitem uma comunicação rápida com os clientes, com um potencial incrível de agilizar operações de atendimento ao cliente.

Estes robôs de chat podem otimizar o tempo dos atendentes humanos que serão específicos para tratar assuntos mais críticos da conversa.

Pesquisa por voz

A inteligência artificial abre portas para uma série de inovações incríveis que revolucionam o mercado digital 4.0.

A comunicação pode ser baseada em pesquisa de voz, um recurso cada vez mais presente nas aplicações da internet.

Mobile first

Cerca de 45% do tráfego na internet hoje, no Brasil é gerado por dispositivos móveis.

Os smartphones estão em alta para o uso. E, dessa forma, a tendência é que os sites estejam sempre com facilidade para compras em celulares.  Sites responsivos, que ficam em boa forma no celular é essencial.

A expectativa é que em 2021, mais de 40% das vendas em ecommerce sejam feitas via mobile.  M-commerce é um padrão visto, que o mobile deve ser pensado e projetado antes, devido a sua grande importância e cada vez mais crescente. Para não perder nenhum possível cliente nos próximos anos.

Imagem do site Envatouser content

Blockchain

O termo blockchain vem de encadeamento de dados, em que é feito um banco de dados descentralizado. Ele é distribuído em todas as transações, ou eventos digitais. É como se fosse um grande livro em que toda alteração ou compra ou ação fosse escrita de forma segura. Imutável, todos tem acesso, mas segura pela criptografia e programação.

Se você tem interesse em saber mais sobre o assunto, clique nesse link e leia nosso post sobre o assunto.

Big Data

Negócios precisam ser capazes de analisar suas informações de forma consistente e consciente. Se pretende saber mais sobre o assunto, assista esse vídeo que nosso time fez.

Com o grande volume de informações que são coletadas, as empresas precisam ser capazes de analisar de forma correta.

As plataformas de análise de dados continuaram a evoluir. Hoje, o mais comum é a utilização do Google Analytics para entender mais sobre os cliques e comportamento dos usuários. Porém, existem outros canais que estão trabalhando em garantir uma boa análise dos dados.

Machine learning

Com esse exemplo da empresa Petz, vemos a aplicação de machine learning para fazer uma compra de produto para pets.

Basta posicionar seu pet na frente da câmera e colocar o play nos brinquedinhos. O site vai analisar as expressões faciais do seu cachorro e conseguir definir quais os brinquedos ele mais amou.

 

Conclusão

Nesse texto, nós conseguimos ver mais sobre tendências nos ecommerces. Se você curtiu e aprendeu mais um pouco mais, fala aqui com a gente.

Compartilhe esse texto com um amigo e ajude a disseminar o movimento maker! Bora fazer!

Se quiser e se sentir a vontade, manda uma mensagem pra gente! Vamos adorar conversar com você. 😉

Texto escrito por Aline Almeida

 

Deixe um comentário!!!